Ter uma boa administração é fundamental para fazer qualquer empresa crescer. Para isso, as organizações podem contar com o plano empresarial, também conhecido como planejamento empresarial.

Qualquer companhia já fez uso dessa estratégia, afinal, todas possuem, pelo menos, um objetivo. Mas o fato é que nem todas sabem como fazer para alcançá-lo.

Todo gestor ou empreendedor deseja que sua organização chegue a algum lugar, mas as dúvidas surgem quando não sabemos por qual caminho seguir.

É aqui que entra o plano empresarial, que antecipa os passos necessários, para guiar a empresa até os seus objetivos, mantendo uma boa organização e a qualidade de sua administração.

Administrar bem um negócio é a base para que ele funcione, então, se ela é bem conduzida, o gestor consegue elaborar estratégias para chegar aos objetivos, e com isso fazer com que a corporação cresça.

Inscreva-se em nossa Newsletter

Faça como milhares de empreendedores e receba os melhores conteúdos sobre o mundo Fintech em sua caixa de e-mail.

Pensando por esse lado, podemos dizer que o planejamento empresarial anda de mãos dadas com a administração. Portanto, ele só será possível se ela tiver qualidade.

Neste artigo, vamos explicar o que é plano empresarial, sua importância e dar dicas para colocá-lo em prática. Então, se você tem dúvidas, continue a leitura.

O que é plano empresarial?

O plano empresarial é uma estratégia usada para antecipar objetivos e metas de uma companhia, e quais estratégias precisam ser colocadas em prática para chegar lá.

Em outras palavras, é uma maneira de projetar o futuro, definir o que é necessário e o que precisa ser mudado.

Toda empresa, como uma de terceirização de serviços de folha de pagamento, precisa de um planejamento empresarial, independentemente de seu porte, segmento ou tempo de atuação.

Só que cabe à administração garantir que ele esteja em constante atuação dentro dos departamentos da organização. Afinal, para que o negócio decole, todos os seus setores devem trabalhar de maneira unida.

Sabendo, então, qual o conceito de plano empresarial, no próximo tópico, vamos entender um pouco mais sobre sua importância. Confira!

Importância do plano empresarial

Fazer um planejamento constante e completo é essencial para que uma organização cresça, sem perder seus investimentos de tempo, dinheiro e esforços. A importância do planejamento empresarial se dá por conta de suas vantagens, que são:

  • Empresa mais preparada;
  • Maior controle dos investimentos;
  • Gestão eficaz;
  • Conquista dos objetivos.

Infelizmente, o cenário econômico é cada vez mais instável, não só no Brasil, como no mundo todo. Devido a isso, é essencial que sua empresa, assim como uma de controle de acesso, esteja preparada para o que der e vier.

Para sobreviver às instabilidades é necessário estar preparado para elas. Por outro lado, quando o cenário é positivo, a corporação também deve estar pronta para tirar o melhor dele.

Para isso, o primeiro passo é compreender que todos os departamentos da companhia são imprescindíveis para o funcionamento dela. Sendo assim, é necessário que todos eles tenham um bom planejamento.

É dessa forma que a organização recolhe seus pontos fracos e fortes e quais são as ameaças e oportunidades que pode vir a enfrentar.

O planejamento empresarial também tem como objetivo ajudar a equipe a identificar falhas e se antecipar a possíveis problemas.

Por meio do plano empresarial, conseguimos evitar retrabalhos por parte dos colaboradores e direcionar seus esforços para os processos que realmente são importantes.

Isso é necessário porque ajuda a corporação a economizar tempo e dinheiro, uma vez que um tempo gasto na solução de um problema é diminuído, o que vai impactar de maneira positiva na capacidade de produção da companhia.

No que tange à administração, esta será capaz de delegar melhor as tarefas, permitindo que cada profissional da equipe exerça uma função adequada às suas possibilidades.

No fim das contas, o funcionamento geral da empresa, incluindo os serviços de contabilidade em geral, melhoram consideravelmente.

Além disso, por meio desse plano, a gestão da companhia melhora e passa a funcionar de maneira mais efetiva. Só que, para isso, mais do que traçar metas e objetivos, é preciso planejar os caminhos que serão seguidos.

É aqui que entram os planos de ação, que permitem que os gestores acompanhem de perto o funcionamento do negócio. Com isso, eles conseguem fazer os ajustes necessários, aumentando os lucros da corporação.

Por fim, o plano empresarial ajuda a companhia a conquistar seus objetivos, visto que estabelece as metas e as estratégias necessárias com o propósito de chegar até eles, mantendo uma boa administração e organização da empresa.

Agora que você já entende a importância do plano empresarial, no próximo tópico, vamos dar algumas dicas para colocá-lo em prática. Continue a leitura!

Dicas para um bom plano empresarial

Para que o seu planejamento funcione, é necessário colocar algumas estratégias em prática, assim como faz uma companhia especialista em credito empresarial. Então, dentre elas, temos:

Definir metas reais

Para definir metas reais, o primeiro passo é entender qual a situação atual da companhia. Verifique os resultados que foram alcançados recentemente, quais são os pontos negativos e positivos e o que pode ser melhorado.

Colha feedback dos colaboradores e veja de que forma você pode melhorar o desempenho deles. Feito disso, detalhe os objetivos, visto que quanto mais vagos eles foram, mais difícil de alcançá-los.

Não adianta, por exemplo, decidir que você quer aumentar a cartela de clientes. O ideal seria aumentar a cartela de clientes em 30% em 12 meses.

Outro exemplo seria abrir uma filial em outra cidade em 2 anos, assim, você consegue delimitar as metas que precisa alcançar e quais ações realizar para chegar a esse objetivo.

Neste caso, a companhia precisa reunir toda a documentação para abertura de empresa, reservar uma quantia para investimentos, dentre outras necessidades.

Monitorar os resultados

Não basta criar um planejamento, colocá-lo em prática e trabalhar em cima dele até aquela data limite que você estipulou para alcançar o objetivo.

Ao longo do trajeto, é importante monitorar os resultados, visto que isso ajuda a fazer as mudanças necessárias, para melhorar a administração e a organização do planejamento.

Então, uma dica é dividir as tarefas em etapas e estabelecer prazos, pois isso permite monitorar o desempenho para diagnosticar e corrigir problemas a tempo.

Para facilitar ainda mais esse monitoramento, o administrador de uma empresa de assessoria fiscal pode fazer reuniões de acompanhamento semanal, ao invés de deixar para avaliar os resultados apenas no final.

Crie indicadores de metas que mostrem se o time está alcançando os resultados esperados e de que maneira eles podem melhorar.

Entender o mercado

Estude e avalie o mercado de atuação do seu negócio, para que o plano empresarial funcione e a administração possa conduzi-lo dentro da realidade ao qual está inserido.

Para conhecer o seu mercado de atuação, verifique a urgência dele e seu tamanho, qual é o potencial de precificação dos produtos e serviços, o custo de aquisição de clientes e a velocidade de entrada.

Ter um objetivo claro

Toda organização, desde um fabricante de uniforme profissional até uma pequena padaria precisa ter um objetivo bem definido. É assim que ela se torna mais competitiva e conquista seu diferencial de mercado.

Esses dois fatores são importantes para a sustentabilidade do negócio, afinal, ninguém abre uma empresa com o intuito de que ela feche.

Sua continuidade depende de seus objetivos, mas para que eles levem a organização para frente, precisam ser claros e diretos.

Por exemplo, o objetivo de uma empresa de aluguel de impressoras é começar a atender a nível nacional em um prazo de 5 anos.

A partir disso, ela vai definir metas e estratégias para que saiba de que maneira conseguirá começar a atender cidades em diferentes estados do país.

Ter bom controle financeiro

Por fim, para que seu plano empresarial e a administração da organização como um todo deem bons resultados, é essencial ter um bom controle financeiro.

Saber administrar o fluxo de caixa, investimentos, pagamentos e outros pormenores garante a saúde financeira da empresa e permite que ela siga o seu planejamento, em busca de seus objetivos.

No caso da empresa de locação de impressoras, ela poderá começar a atender seus clientes no Brasil todo porque fez uma boa gestão financeira, que lhe permitiu investir nesse crescimento.

Conclusão

Para ter um bom plano empresarial, em primeiro lugar, é preciso garantir uma boa administração para manter a companhia sempre organizada e direcionada ao crescimento.

Feito isso, é possível colocar em prática as estratégias que mostramos ao longo deste texto, para que o planejamento empresarial traga os resultados esperados.

Alcançar resultados é importante para qualquer corporação, afinal, é dessa forma que ela se torna mais competitiva e atraente no mercado em que atua.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Comentários