Você sabia que o RH tem um papel fundamental na hora de combater a crise financeira? Muito se pensa que, quando se trata de crises no setor financeiro, quem entra em ação é apenas o setor de administração. 

Contudo, o RH tem uma grande importância em tempos de incertezas, pois, em momentos de crise é ele que analisa, com uma postura humanizada, as possibilidades prezando pelo bem-estar físico e emocional dos colaboradores da empresa. 

Ou seja, ele é importante pois realiza a ampla gestão interna aumentando o rendimento das equipes, e tirando todas as dúvidas que surgem ao longo da gestão da crise

Para  você entender mais sobre o assunto, preparamos este artigo. 

Confira!

Gestão de crise financeira: o que é?

A gestão de crise financeira é um conjunto de medidas e planejamentos que buscam criar estratégias para prevenir, reduzir impactos ou solucionar crises financeiras, pelas quais sua empresa possa vir a passar ou está passando.

Para que sua empresa tenha uma boa administração é necessário que se tenha uma gestão financeira bem construída, pois, é com ela que você irá analisar, controlar, criar possíveis cenários e planejar as atividades financeiras para eventuais imprevistos provocando menores impactos nos setores internos e externos de sua empresa. 

Importância da gestão de crise financeira nas empresas :

A importância da gestão de crise financeira é que nem todas as crises, ou percalços que sua empresa possa vir a passar, são visíveis ou premeditados. Um grande e atual exemplo é a pandemia da Covid-19 que afetou diversas organizações.

Por conta disso, a gestão é importante, já que, não premeditando a crise, ela chegará e afetará principalmente o departamento financeiro, o qual poderá ser salvo por uma gestão bem estruturada. 

Como fazer uma boa gestão de crise financeira? 

Para uma boa gestão de crise financeira é necessário planejamento para conseguir descobrir e entender  o problema de sua empresa e quais serão os impactos diante dessa crise. Assim que o motivo for esclarecido, a próxima etapa é propor soluções viáveis e fortalecer as comunicações internas – com os colaboradores – de sua empresa para melhor otimização do trabalho. 

Além disso, uma boa gestão não somente te previne de possíveis crises, mas também te auxilia a sair de uma. De nada adianta ter uma gestão que é capaz de premeditar um problema, mas que não consegue solucioná-lo.

Como o RH pode ajudar numa crise financeira da empresa?

Em um momento de crise financeira, o RH pode ajudar criando possíveis cenários de crises para conseguir adotar medidas de controle – externas e internas – para empresa e colaboradores pensando sempre no bem-estar de todos para que, mesmo em tempos críticos, trabalhem em harmonia. 

Algumas das ações que o RH pode promover durante uma crise financeira,, são : 

  • Equilibrio emocional dos colaboradores;
  • Proporcionar e adaptar a equipe ao home office para que sejam reduzidos custos com escritório;
  • Gestão aprofundada de benefícios e salários, cuidar para que não existam perdas;
  • Ajudar no planejamento de cortes.

Avaliar e analisar os recursos da empresa

Como já dito anteriormente, para uma boa gestão de crise deve haver uma averiguação dos recursos da empresa para ter um controle maior da situação e o planejamento de  táticas para driblar a crise e, para o RH,  evitar demissões desnecessárias.

Com uma boa análise dos recursos de sua empresa e da rotina do setor financeiro é possível: 

  • Entender o que levou à crise e, posteriormente, como evitar-la; 
  • O que e porquê cortar certos gastos; 
  • Criar protocolos para situações de crise; 
  • Definir quais gastos são importantes para sua empresa; 
  • Definir metas para ter menos impactos financeiros.

Auxiliar o departamento financeiro em plano de corte de custos

Com as despesas e lucros de sua empresa em mãos, o RH consegue auxiliar o corte de custos altos e reduzir itens que não são prioritários para o funcionamento da empresa, como: copo de plásticos, papel e materiais descartáveis. 

O bom planejamento de corte de custos é extremamente importante para que, tanto o RH quanto a empresa, não retirem projetos ou custos essenciais para o bom funcionamento da empresa.  

Fazer uma comunicação interna assertiva  

É imprescindível que, em momentos críticos, o Rh mantenha uma comunicação interna assertiva, pois o que mantém uma empresa funcionando é a harmonia entre os setores.

Quando uma crise assola uma empresa, uma falha de comunicação pode atrapalhar no processo de gestão do problema financeiro ou, até mesmo, agravar o mesmo. 

Para isso, o Rh deve manter uma rede de comunicação clara e transparente com os colaboradores sobre as decisões que estão sendo tomadas, para que não se tenha mal entendidos ou falsas expectativas.

Reduzir horas extras

Outra tática também usada, em tempos de crise financeira, é a redução de horas extras, em conjunto com a redução da folha de pagamento, Quando se tem uma melhor otimização dos horários de trabalho, os custos com a folha de pagamento acaba diminuindo 

Entretanto, para se reduzir horas extras inicialmente é necessário ter um bom controle de jornada, assim, fica mais fácil fazer um controle de horas extras, além de trazer indicadores sobre os setores podendo aumentar a produtividade da empresa. 

Adotar banco de horas 

Outra saída é adotar sistema de banco de horas, que, em tempos de crise, a procura aumentou devido o seu objetivo que é proporcionar às empresas maior flexibilidade na jornada de trabalho evitando corte no número de colaboradores em momentos críticos. 

O sistema de compensação de horas, como o banco de horas, permite que a compensação de horas extras ou horas faltantes realizadas em um dia sejam feitas sem que se tenha acréscimo ou redução de salário. 

Conclusão

Para uma boa gestão de crise, tem de haver uma boa comunicação e controle de gastos, os quais podem ser feitos online, uma vez que você tem acesso a folha de pagamento online, na qual você pode fazer a gestão completa de horas extras, facilitando o trabalho do seu RH durante uma crise financeira. 

Este conteúdo foi produzido em parceria com o time da PontoTel

Comentários