Guardar dinheiro na poupança continua sendo a modalidade de investimento com mais adesão pela população brasileira. Segundo pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) feita em parceria com Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), a poupança ainda é escolhida por 65% das pessoas. 

Porém, pouco a pouco essa realidade está se transformando com a chegada de fintechs como o Nubank. Com o banco digital é possível abrir uma conta em poucos cliques sem sair de casa, fazer transferências sem pagar taxas e, claro, guardar dinheiro com segurança. 

Mas o que levar em consideração na hora de escolher entre a poupança Santander ou o Nubank? Neste artigo selecionamos alguns pontos para você: 

  • Segurança
  • Taxas
  • Rendimentos

Confira!

Poupança Santander ou Nubank: as principais diferenças

Segurança

Tanto o Santander quando o Nubank contam com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC). Isso significa que seus investimentos estão assegurados por até R$ 250 mil por CPF caso algo aconteça com o banco. De forma sucinta, se um dia o banco quebrar você receberá seu dinheiro considerando um teto com esse valor. 

Inscreva-se em nossa Newsletter

Faça como milhares de empreendedores e receba os melhores conteúdos sobre o mundo Fintech em sua caixa de e-mail.

O Nubank tem um diferencial em relação à poupança do Santander que é o fato de a conta do banco ser uma “conta de pagamentos” e não uma “conta-corrente”. Assim, todos os valores depositados não ficam atrelados ao patrimônio do Nubank, mas sim são aplicados em Títulos Públicos Federais

Nesse sentido, a segurança é a mesma caso seu dinheiro estivesse investido diretamente no Tesouro Direto, por exemplo, o qual é um título público garantido pelo Governo – a modalidade de investimento mais segura para os perfis conservadores. 

Taxas

O Santander não cobra nenhuma taxa para a manutenção da poupança, mas é importante estar atento se ela não está atrelada a uma conta-corrente com tarifas. Analise com cautela todas as opções de cada uma das contas e veja quais são as taxas para que você não seja pego de surpresa ao final do mês. 

O Nubank não cobra nenhuma taxa para abertura de conta e também não há taxas de manutenção. Veja aqui porque o Nubank vale a pena

Poupança Santander ou Nubank
Fonte: Nubank

Rendimentos

Talvez uma das principais dúvidas na hora de escolher entre a poupança Santander ou Nubank é a rentabilidade de cada um deles.

O Santander segue a regra básica de cálculo para a rentabilidade da poupança dos bancos tradicionais. Enquanto a taxa básica de juros (Selic) estiver abaixo de 8,5%, a poupança terá um rendimento de 70% da Selic + a variação da Taxa Referencial (TR) divulgada diariamente pelo Banco Central. 

Desde de junho de 2020 a taxa Selic está em 2,25% ao ano. Já a Taxa Referencial está em 0% desde setembro de 2017. Considerando tais valores, o rendimento da poupança do Santander é de 1,57% ao ano

Outro ponto importante é que a poupança é isenta de impostos, então você sempre receberá o rendimento bruto de seus investimentos. 

Em relação à rentabilidade do Nubank, o banco garante 100% do CDI, o que representa 2,15% em um ano, valor próximo à atual taxa Selic. Ou seja, um rendimento superior de 0,58% em relação à poupança

Por outro lado, no Nubank há a cobrança de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) e também do Imposto de Renda, mas apenas sobre os rendimentos e não sobre o valor inicial depositado na conta. 

O IOF é cobrado sempre que algum montante é retirado da conta, enquanto o IR é cobrado automaticamente a partir do momento em que seu dinheiro começa a render. Inclusive, o valor disponível no aplicativo já está com o IR descontado. 

Lembrando que o IOF é regressivo e que, caso o seu dinheiro seja resgatado apenas após 30 dias, não haverá desconto de IOF sobre ele. 

Importante!

A poupança rende apenas uma vez por mês e na data de aniversário em que o dinheiro foi investido. Se você guardar um montante no dia 10, por exemplo, apenas receberá o rendimento no próximo dia 10. E mais: caso haja qualquer movimentação nesse ínterim, não haverá nenhum rendimento

Enquanto isso, no Nubank o rendimento é diário (o que também é vantajoso porque o seu dinheiro passa a render mais a cada dia) e os valores podem ser sacados a qualquer momento sem haver alteração nos valores que você receberá. 

Não se preocupe, a seguir mostraremos um exemplo prático da rentabilidade tanto no Santander quando no Nubank.

Investindo na prática

Para facilitar, vamos simular quanto seu dinheiro renderia se você investisse R$ 1.000 na poupança do Santander em comparação ao mesmo valor investido no Nubank, considerando um período de dois anos. 

SantanderNubank
Montante inicial investidoR$ 1.000R$ 1.000
Saldo bruto após 2 anosR$ 1.031,75R$ 1.043,46
Saldo líquido após 2 anos (impostos já descontados)R$ 1.031,75R$ 1.035,86

Neste cenário, o rendimento total líquido na poupança é de R$ 31,75, enquanto no Nubank é de R$ 35,86. A diferença parece pequena, mas é importante lembrar que estamos considerando que nenhum outro valor adicional será novamente investido ao longo dos dois anos em questão. 

Lembre-se: o segredo dos investimentos é fazer com que o dinheiro trabalhe para você. Quanto maior o valor investido, mais o dinheiro renderá e, por consequência, os juros compostos atuarão sobre um montante cada vez maior. 

Então, Poupança Santander ou Nubank?

Comparando todas as informações e números sobre a poupança Santander e o Nubank é possível concluir que Nubank é mais vantajoso. Isso se deve a alguns fatores importantes:

  • Rendimento de 100% do CDI
  • Rentabilidade diária
  • Liberdade para fazer resgates a qualquer momento
  • Cobrança de impostos apenas sobre o rendimento

O que achou das dicas? Depois conta para a gente nos comentários! Além disso, assine nossa newsletter para receber os conteúdos da Fintech em primeira mão por email.

Comentários