Se você está procurando “como colocar máquina de cartão na minha loja?”, significa que já entendeu o quanto é importante oferecer outras formas de pagamento para os seus clientes, além do dinheiro.

Empresas que não possuem uma máquina para cartão podem perder vendas e correr riscos. Pois além de facilitarem a vida dos clientes, as máquinas de cartão também evitam que fique muito dinheiro parado no estabelecimento.

Outro fator vantajoso em ter uma máquina de cartão na sua loja, é que ela ajuda a organizar os recebimentos e organizar melhor o caixa da sua empresa.

Agora que você já entendeu essa necessidade, vamos te ajudar a responder a pergunta “como colocar máquina de cartão na minha loja?”. Acompanhe!

O que você deve saber para colocar máquina de cartão em sua loja

Antes de saber como colocar uma máquina de cartão em sua, você precisa estar atento a detalhes muito importante e que farão toda a diferença para uma boa escolha. Confira:

Inscreva-se em nossa Newsletter

Faça como milhares de empreendedores e receba os melhores conteúdos sobre o mundo Fintech em sua caixa de e-mail.

Taxas de adesão e percentual

As taxas são um dos principais pontos a serem observados por quem quer saber “como colocar máquina de cartão na minha loja”. Isso porque elas variam bastante de acordo com cada empresa e dispositivo oferecido.

Em algumas empresas são cobradas taxas para a instalação da máquina, taxas de mensalidade e também as de operação, aquelas descontadas a cada compra. Porém, hoje em dia existe a possibilidade de encontrar empresas que não cobram taxas de adesão e nem mensalidade.

Com uma boa pesquisa, é possível encontrar ainda as empresas que oferecem taxas abaixo de 1,86% para cartões de débito ou 3,30% para cartões de crédito. Essas são consideradas taxas acessíveis.

Taxas de antecipação

As taxas de antecipação são aquelas que a empresa paga para receber o valor da compra feita no crédito mais rápido. Entretanto, para isso as operadoras das máquinas de cartão cobram uma taxa maior que a taxa de compras à vista.

É importante verificar essas taxas e levar em consideração como você precisa receber esse valor, antes mesmo de fazer a contratação da máquina.

Comprar ou alugar?

Se você está pesquisando “como colocar máquina de cartão na minha loja”, deve se atentar aos valores e benefícios de comprar ou alugar. Muitas vezes, o valor de alugar uma máquina pode parecer mais baixo, porém, no fim das contas pode haver um prejuízo para o seu negócio.

Hoje em dia o mais comum é comprar uma máquina, isso porque os valores são acessíveis, podem ser parcelados em até 12 vezes e ainda há todo o suporte necessário. Dessa forma, a empresa pagará apenas uma vez para usá-la, mais as taxas de operação.

Enquanto isso, para o aluguel é necessário fazer o pagamento da taxa de adesão, mensalidade enquanto a máquina for usada e as taxas de operação. Em alguns casos, em máquinas alugadas há ainda uma multa pela redução do uso.

Quer encontrar uma máquina de cartão sem aluguel, sem taxa de adesão e com as melhores condições? Conheça a C6 Pay!

Diferenças entre as máquinas

Além das taxas e a possibilidade de comprar ou alugar, há outra característica importante para observar nas máquinas de cartão: o seu funcionamento. As opções encontradas no mercado atualmente são:


Fonte: Evencard

Dentre elas, as mais modernas e buscadas atualmente são as que funcionam por sinal de Wi-Fi e dados das operadoras de celulares.

Recursos oferecidos

Outro ponto importante antes de alugar ou comprar uma máquina, é comparar os recurso que os diferentes modelos oferecem. Máquinas mais modernas podem disponibilizar além da impressão do recibo, outras facilidades como:

Passo a passo para colocar máquina de cartão na sua loja

Agora que você já conhece alguns pontos importantes para a escolha de uma máquina de cartão, é hora de saber como solicitar a sua!

Hoje em dia não é preciso ser apenas pessoa jurídica para pedir uma máquina. Também é possível fazer esse pedido sendo MEI, e em alguns poucos casos, pelo próprio CPF. Em todas as situações o passo a passo será o seguinte:

  1. Procurar a operadora da máquina que deseja ou mesmo o gerente do banco o qual escolher;
  2. Faça a solicitação da máquina;
  3. Entregue os documentos que podem ser solicitados, como: documentos pessoais, (RG e CPF), declaração anual do MEI e comprovante de endereço. Algumas empresas podem solicitar também a inscrição estadual, municipal ou declaração de comprovação de renda. Além disso, para lojas que pretendem aceitar cartões de refeição, será necessário comprovar a autorização para operar no ramo alimentício;
  4. Depois de aprovada a aquisição, os técnicos podem precisar fazer a instalação e configuração do equipamento no estabelecimento. Neste momento, podem solicitar também a assinatura do contrato. Algumas operadoras das máquinas podem cobrar taxas pela instalação e também pela mensalidade, como citamos anteriormente;
  5. Neste passo é só começar a usar a máquina de cartão e escolher a melhor forma de recebimento de acordo com o seu fluxo de caixa: receber em poucos dias pagamento uma taxa maior ou em 30 dias pagando a menor taxa.

É hora de fazer a sua escolha!

Você já encontrou a resposta de “como colocar máquina de cartão na minha loja?”, agora é o momento de escolher a sua máquina de cartão. Portanto, Uma boa máquina pode oferecer diversas vantagens para o seu negócio, basta fazer a escolha certa.

Se você quer contar com uma máquina moderna, com as menores taxas do mercado, recursos únicos e adesão grátis, conheça a C6 Pay. 

Apresentando uma inovação em design e qualidade para o mercado das máquinas de cartão, a C6 Pay é ideal para quem tem uma loja e quer vender mais no cartão, sem ter grande cobranças em taxas. Peça agora a sua maquininha!

Comentários