Em 2020, o Brasil já conta com mais de 10 milhões de Microempreendedores Individuais (MEIs). O regime tributário, que entrou em vigência no país em 2019 é uma opção que permite a regularização das atividades econômicas de profissionais autônomos e liberais.

E, como qualquer outra empresa, os Microempreendedores Individuais também precisam saber vender o próprio peixe. Nesse sentido, a utilização de algumas técnicas de marketing é essencial para que o MEI possa divulgar seus produtos e serviços, estabelecer uma imagem no mercado em que atua e alavancar as vendas.

Tendo isso em vista, elaboramos este conteúdo com 9 dicas valiosas de marketing para MEI: 

  1. Tenha um site para a sua marca
  2. Crie um blog e produza conteúdo relevante
  3. Otimize a busca online por seus conteúdos
  4. Não subestime o poder do e-mail marketing
  5. Faça marketing de influência
  6. Esteja presente nas redes sociais
  7. Invista em anúncios online e posts patrocinados
  8. Participe de eventos voltados ao seu mercado de atuação
  9. Faça parcerias com outras empresas

Convidamos você a continuar a leitura e conferir algumas recomendações que você pode colocar em prática para que o seu empreendimento possa se desenvolver cada vez mais.

As 9 melhores dicas de marketing para MEI

Investir em marketing não deve ser uma prática exclusiva de grandes empresas com volumosos faturamentos. Microempresas comandadas por uma única pessoa não só podem como devem fazer investimentos e implementar técnicas de marketing para impulsionar os resultados.

Inscreva-se em nossa Newsletter

Faça como milhares de empreendedores e receba os melhores conteúdos sobre o mundo Fintech em sua caixa de e-mail.

Mas como tomar as decisões certas?

Veja a seguir como é possível colocar em prática o marketing para MEI:

1. Tenha um site para a sua marca

O site é o cartão de visita do seu modelo de negócio. Criar um endereço para a sua marca na web é fundamental.

Por meio de um site, é possível detalhar os seus produtos e serviços, permitindo que potenciais clientes possam conhecer melhor a sua proposta de valor.

2. Crie um blog e produza conteúdo relevante

Assim como o site, criar um blog também é uma estratégia de marketing muito boa para quem é MEI.

O blog servirá para hospedar conteúdos relevantes e que tenham a ver com as soluções que você oferece. A intenção é atrair leads, educá-los e conduzi-los até a base do funil de vendas.

3. Otimize a busca online por seus conteúdos

Além de produzir bons conteúdos, é necessário otimizar a busca por eles. Para isso, faça o bom uso das técnicas de SEO (Search Engine Optimization) para que o seu blog apareça bem posicionado nos resultados das pesquisas em site como o Google, o Yahoo e o Bing.

Uma dessas técnicas é o uso no blog de palavras-chave que mais costumam ser buscadas por pessoas com o perfil de seus clientes.

Essa é uma das mais relevantes estratégias de marketing digital.

4. Não subestime o poder do e-mail marketing

O e-mail ainda é uma importante ferramenta de marketing para MEI, por isso, ele também deve fazer parte do seu plano de marketing

Utilize o e-mail marketing para desenvolver um relacionamento com seus clientes e leads, alertar sobre ofertas e promoções personalizadas e enviar conteúdos do seu blog.

5. Esteja presente nas redes sociais

As redes sociais são espaços importantes para que você possa divulgar o posicionamento e as soluções da sua marca e se relacionar com o seu público. Além disso, é nas redes sociais que os consumidores modernos costumam procurar por recomendações.

Por isso, faça uso do marketing nas redes sociais, afinal, é possível fazer isso mesmo sem investir um centavo, apenas produzindo conteúdo relevante. Em um segundo momento, caso tenha verbas disponíveis, você poderá investir em mídia paga, como verá no item 7.

6. Faça marketing de influência

O marketing de influência está em alta. Uma estratégia que começou como “recebidos” e “mimos” de algumas marcas para pessoas com certo poder de influência nas redes sociais hoje é utilizada por modelos de negócio dos mais variados setores.

Portanto, busque entender quem são os influenciadores do seu público-alvo e promova o marketing de influência com essas pessoas. 

INSERIR VÍDEO: 

7. Invista em anúncios online e posts patrocinados

Investir em anúncios online também é uma boa estratégia de marketing para MEI. Por meio do Google Ads, por exemplo, você paga a Google para colocar os links do seu site ou blog em destaque nos resultados de busca e mostrar o banner do seu negócio em sites parceiros.

Você também pode pagar o Facebook para impulsionar as postagens da sua página nessa rede social e também no Instagram.

8. Participe de eventos voltados ao seu mercado de atuação

Outra estratégia, dessa vez offline, é marcar presença em feiras e outros eventos voltados para o mercado em que você atua. 

Essa é uma forma de mostrar o seu trabalho e ampliar a sua rede de contatos.

9. Faça parcerias com outras empresas

Por fim, essa última dia consiste em firmar parcerias e alianças estratégicas com empresas que oferecem soluções diferentes da sua para o mesmo público-alvo. Dessa forma, uma empresa ajuda a divulgar os produtos e serviços da outra.

Bom, essas foram as nossas 9 dicas de marketing para MEI? Se você é Microempreendedor Individual, coloque em prática essas recomendações e impulsione o seu modelo de negócio.

Este post foi escrito pela equipe do Qipu uma solução de contabilidade online usada por mais de mais de 400 mil empreendedores.

Comentários