Cada vez mais empresas têm investido em novas tecnologias para otimizar serviços financeiros já conhecidos, como cartões de crédito, pagamentos etc. E também é com essa proposta que o modelo de startup de empréstimo tem se consolidado no mercado. 

Se tem uma prática que tem crescido vertiginosamente nos últimos tempos é o empreendedorismo, especialmente quando as novas empresas focam na tecnologia para transformar um serviço ou produto. 

As famosas startups abrem caminho e trazem inovação para vários setores do mercado, entre eles o financeiro. A revolução acontece quando clientes têm acesso a contas digitais, cartões de crédito, investimentos e várias outras operações pelo celular, de forma rápida e barata.

Assim, serviços como empréstimos, que são conhecidos por serem cheios de dificuldades, em que o cliente precisa passar por vários processos burocráticos, são facilitados através de novas empresas especializadas: as startups de empréstimo. Veja no artigo!

O que são startups 

Startup é uma empresa em seu estágio inicial, que geralmente conta com uma equipe reduzida, mas possui em seu modelo de negócios potencial para crescer rapidamente. Independentemente do setor em que escolhe atuar, uma startup sempre alia seus serviços à tecnologia.

Inscreva-se em nossa Newsletter

Faça como milhares de empreendedores e receba os melhores conteúdos sobre o mundo Fintech em sua caixa de e-mail.

No caso do mercado financeiro, as startups são chamadas de fintechs — palavra que é união de “finanças” e “tecnologia”. Mas cuidado para não generalizar, existe diferença entre startup e fintech.

O que são startups de empréstimo

Agora que já definimos o que são startups, fica fácil entender o que é uma startup de empréstimo.

De forma simplificada, as startups de empréstimo nada mais são do que empresas que fornecem crédito ao cliente através de plataformas 100% digitais. Elas entregam soluções de crédito de forma muito mais rápida, barata e cômoda, mas não menos segura, que os bancos tradicionais.

Nas startups de empréstimo, o cliente resolve tudo pelo celular, desde o pedido de empréstimo, passando pela análise de crédito até chegar no recebimento do valor.

Como todo o processo é digital, os custos são reduzidos, assim como as taxas de juros que chegam para os clientes. Com isso, você tem garantia de comodidade, ao fazer seu empréstimo de casa, e de economia, ao pagar taxas mais baratas.

A análise de crédito fica por conta do algoritmo, ou seja, é feita através da plataforma ou aplicativo da startup. Parece um pequeno detalhe, mas ele faz toda diferença, pois é capaz de entregar uma resposta em questão de minutos.

Ou seja, além de economizar seu dinheiro, as startups de empréstimo também economizam seu tempo, já que são bem mais rápidas e eficientes que pedir um empréstimo em banco.

Como as startups de empréstimo funcionam

Não é porque tudo se resolve pelo aplicativo de celular que você precisa ficar desconfiado. As startups de empréstimo vêm recebendo cada vez mais atenção de órgãos reguladores, o que garante ainda mais segurança para o cliente.

Mas, afinal, como funciona uma startup de empréstimo?

Empréstimo entre pessoas

As startups de empréstimo têm popularizado muito essa modalidade de empréstimo, também chamada de P2P, abreviação para peer-to-peer lending.

Ela nada mais é que um empréstimo coletivo que têm se popularizado muito no Brasil. Uma das razões para a crescente preferência por essa modalidade é o fato de que no país há muitas instituições financeiras tradicionais com números muito elevados de inadimplentes.

Nesse cenário, as startups de empréstimo que investem no modelo P2P vêm para desburocratizar o sistema já saturado no mercado. 

O empréstimo entre pessoas permite que um investidor (pessoa física) forneça empréstimo a um pequeno empreendedor sem a mediação de um banco tradicional, através das plataformas digitais das startups de empréstimo.

Empréstimo pessoal

O empréstimo pessoal é a modalidade mais simples que as startups de empréstimo oferecem. 

Para fazer o seu, o cliente (enquanto pessoa física) precisa apenas fazer seu pedido de empréstimo no aplicativo, informando o valor desejado e prazo para quitação. Depois disso a próprio plataforma faz a análise de crédito e libera o valor na conta do cliente.

Como quase tudo em uma startup de empréstimo, esse processo é totalmente digital e algumas fintechs garantem o dinheiro liberado em até 24 horas.

As startups de empréstimo também cobram taxas bem mais baixas que bancos tradicionais e financeiras, que podem chegar a cobrar 122,71% de juros ao ano para esse procedimento.

Empréstimo com garantia

Nessa modalidade, o cliente disponibiliza um bem à startup de empréstimo como garantia e em troca recebe juros menores e prazos maiores para quitar seu empréstimo.

Os bens aceitos como garantia nas startups de empréstimo variam de uma para outra, mas geralmente incluem automóveis ou imóveis. Há também regras que variam entre as startups de empréstimo, como ano de fabricação e valor de custo dos bens.

Essas são apenas algumas modalidades nas quais as startups de empréstimo se destacam, mas elas ainda oferecem vários outros serviços, como financiamento, cheque especial e cartão de crédito. 

Se você está procurando um empréstimo, conheça cada modalidade e descubra qual te atende melhor.

Outro diferencial das startups de empréstimo é que algumas delas disponibilizam em seus aplicativos carteiras digitais em que o cliente consegue acompanhar entradas e saídas, personalizar limite do crédito e planejar uma vida financeira sadia.

Principais startups de empréstimo para se inspirar

Se você é empreendedor e está pensando em criar a sua própria startup de empréstimo, vamos listar aqui as principais do mercado brasileiro para você se inspirar na hora de tirar a sua ideia do papel.

1) Nubank

Nubank é a primeira que vem à mente quando se fala em case de sucesso entre fintechs. A startup começou pequena em 2013 e hoje é uma das principais do mercado brasileiro. Recentemente, a Nubank começou a atuar também no setor de empréstimo pessoal online.

A Nubank se destaca como uma startup de empréstimo e de tecnologia no modo geral porque não se limita a vender um serviço financeiro, mas busca “redefinir a relação das pessoas com o dinheiro, através de uma experiência mais eficiente e transparente”, segundo o próprio site.

Além disso, a própria identidade visual do Nubank já está no imaginário da população, o que também torna essa startup uma inspiração sobre desenvolvimento de imagem.

2) Creditas

Também consolidado no mercado há vários anos, o Creditas funciona exclusivamente como uma startup de empréstimo e trabalha com a modalidade de empréstimo com garantia para pessoa física.

Se esse é o serviço que você deseja que a sua startup de empréstimo seja especializada, não há inspiração melhor na hora de empreender.

O Creditas apresenta algumas das menores taxas do mercado, com juros que partem de 1,15% ao mês para imóveis e 1,69% para veículos.

3) Rebel

A Rebel é uma startup de empréstimo correspondente bancário do Lecca Créditos, Financiamentos e Investimentos voltada para empréstimo pessoal sem garantia.

Só consegue pegar um empréstimo na Rebel quem comprovar renda mensal e tenha histórico positivo de crédito, mas no quesito rapidez ela é a maior inspiração para empreendedores.

A startup de empréstimo promete uma análise de crédito em duas horas e até um dia útil para liberação do dinheiro na conta corrente do cliente, em casa de aprovação.

4) Nexoos

Se você deseja criar uma startup de empréstimos ideal para unir investidores e empresas, a Nexoos é a inspiração perfeita, pois é voltada para empréstimo empresarial, aplicando o modelo peer-to-peer lending. 

Na Nexoos você encontra algumas regras que ajudam a organizar um modelo de negócios baseado no P2P, como valor mínimo para se investir em uma empresa ou histórico de faturamento para que uma empresa possa solicitar um empréstimo online.

Se você ficou ainda mais interessado em abrir sua própria startup de empréstimo, vá para o nosso blog e confira muito mais sobre o mercado financeiro digital que só cresce no Brasil e no mundo. Aproveite para aprender tudo sobre startups e fintechs. Boa leitura!

 

Comentários