É possível afirmar que Coinbase é seguro? Não podemos negar, as carteiras de criptomoedas transformaram o modo de lidar com serviços financeiros. Não é à toa que existem diversas no mercado, como Bitcoin, Ethereum que, separadamente, enriquecem seus clientes. Nessa linha, a Coinbase também está no páreo.

Fundada em 2012, a plataforma já conta com mais de 30 milhões de usuários, sendo que apenas entre os cinco primeiros anos conquistou um terço de clientes.

Mas será que vale a pena negociar criptomoedas nessa plataforma? Neste artigo nós vamos tirar suas dúvidas sobre a confiança da Coinbase. Também listamos vantagens e desvantagens e como ela é vista no mercado. Confira!

O que é Coinbase? E como funciona?

A Coinbase é uma corretora de câmbio digital onde podem ser realizadas negociações de criptomoedas como Bitcoin, Ethereum, entre outras. Infelizmente, no Brasil não são permitidas como compra e venda, portanto, é preciso investir em plataformas como Binance, Oymp Trade, StormGain para esse tipo de investimento.

Coinbase possui dois produtos em destaque: a corretagem de câmbio e uma plataforma de negociações intitulada como GDAX, ambas são usadas individualmente.

Quais são os prós e contras da Coinbase?

Antes de saber se Coinbase é seguro, confira alguns detalhes que fazem diferença antes da escolha:

Prós

  • Ampla variedade de criptomoedas;
  • Aceita métodos de pagamento diversos e conexão acessível a contas bancárias nos EUA e em outros países;
  • Usa políticas de transparência e confiabilidade;
  • Possibilita o uso do cartão de crédito Coinbase, conhecido como Shift Card, nos EUA.

Contras

  • Não é disponível em todos os países;
  • Há limite de gastos ou retiradas;
  • Taxas mais altas do que a maioria das plataformas;
  • Alguns trechos do site brasileiro estão em inglês.

Afinal, Coinbase é seguro?

Sim. Podemos afirmar que a Coinbase é bastante confiável. Entre os principais elementos que comprovam a veracidade da informação:

  • A presença do protocolo HTTPS reafirma a proteção contra vírus ou arquivos maliciosos recorrentes em algumas plataformas de criptomoedas;
  • Senhas e chaves de acesso são ocultas no navegador;
  • Bloqueios são fundamentais quando há dúvidas sobre transações. Por exemplo, o usuário pode determinar um tempo para a realização de algum tipo de saque ou transferência, mesmo após a confirmação do processo;
  • Até cinco pessoas podem fazer parte do grupo transacional, isto é, o saque só pode ser efetivado após a confirmação de todos os integrantes.

Embora todos os benefícios mostrem que a Coinbase é confiável, o site Trustpilot não tem uma visão otimista.

Na avaliação geral, a nota da plataforma é de 1.6 em mais de 5000 votos. A maioria, que representa 78% dos consumidores reclamantes, a classificou “muito ruim”. 8% “excelente”, 5% “muito bom”, 5% “ruim” e 4% “bom”.

Aplicativo da Coinbase: o segundo mais popular da APP Store

Apesar do índice de desempenho da Trustpilot ser negativo, a popularidade da ferramenta só aumenta. Em abril, o aplicativo gratuito estava em nono lugar no App Store nos Estados Unidos, já, no dia seguinte, se posicionou em segundo lugar, conforme os dados da MoneyTimes.

Como se cadastrar na Coinbase?

Gostou da ideia de ter uma conta na Coinbase? Então a partir de agora vamos explicar um passo a passo para você começar esse processo:

  • 1. Acesse o site da Coinbase;
  • 2. Crie a sua conta, para isso, forneça seus dados pessoais que servirão para o processo de identificação. Além disso, crie uma senha com variações de símbolos, números e letras para aumentar a segurança das suas informações;
  • 3. Verifique o e-mail de confirmação recebido, caso seja você mesmo;
  • 4. Insira o seu número de celular, preencha os campos e clique “Enviar”;
  • 5. O código será enviado via SMS, verifique seu celular e insira o código de 7 dígitos no campo indicado e aperte em “Enviar”. Caso não receba a mensagem, clique em “Reenviar mensagem de texto” e aguarde;
  • 6. Será preciso confirmar o número do celular e fornecer um documento de identificação com foto, podendo ser a Carteira de Identidade, o CNH ou o Passaporte.

Leia mais: Saiba como ter uma plataforma de criptomoedas em menos de 24 horas

Coinbase está entre as melhores corretoras para investimento em criptomoedas. Saiba mais neste vídeo:

Conclusão

A partir das nossas informações, podemos afirmar que Coinbase é seguro. Resumindo, acreditamos que a Coinbase é uma ótima ideia porque: 

  • tem Política de Privacidade explicativa e clara;
  • possui selo HTTPs em todas as páginas do site;
  • conta com sistemas de segurança para suas transações;
  • tem histórico qualificável desde o surgimento em 2012, com crescimento exponencial no número de usuários;
  • oferece itens extras de proteção.

Pronto para investir na Coinbase?

Depois da nossa explicação, ficou mais claro que Coinbase é confiável? Entenda que a plataforma de criptomoedas é uma das melhores opções no mercado, além da fácil compreensão para iniciantes.

Apesar do nível pontual de reclamações, a Coinbase é segura, tornando-se uma excelente carteira de negociações.

Se você quer aumentar sua renda por meio das criptomoedas, não perca mais tempo! Estude esse tema com quem domina de verdade. Por isso, este curso vai ajudá-lo a entender tudo sobre o assunto e obter o lucro que deseja: 

Segredos do Bitcoin 3.0

Comentários