Fazer o seu dinheiro trabalhar por você é uma forma altamente recomendada para criar um patrimônio financeiro expressivo. Nesse quesito, a melhor opção é procurar uma boa fintech corretora, já que elas contam com as melhores opções para guiar investidores de diferentes perfis de modo prático e intuitivo, além disso, muitas oferecem corretagem com taxa zero.

Não sabe muito bem o que isso significa e como elas funcionam? Não se preocupe. Vamos explicar o que são fintechs corretoras, como operam, quais vantagens e os melhores exemplos para realizar o seu investimento e aumentar as suas chances de obter bons rendimentos.

O que é uma fintech corretora?

Uma fintech corretora, também chamada de fintech de investimento, é uma corretora de valores com operação digital, que busca aliar tecnologia, conhecimento de mercado, automatização e interface intuitiva para aproximar o ramo das ações e fundos de investimento do público geral que está a procura de melhores rendimentos.

A principal diferença entre uma corretora de valores tradicional e uma corretora digital é a operação independente de grandes instituições financeiras, como bancos e grupos de investimento em atividade desde muito tempo.

Por mais que essas empresas de renome sejam capazes de transmitir segurança, elas tendem a exigir uma demanda de investimento exageradamente alta, irreal para quem está começando ou busca rendimentos mais práticos.

Inscreva-se em nossa Newsletter

Faça como milhares de empreendedores e receba os melhores conteúdos sobre o mundo Fintech em sua caixa de e-mail.

Nesse último caso, a fintech vai além da moda e tem sua operação facilitada e amigável, mesmo para quem ainda não possui grande conhecimento no setor. 

O funcionamento digital permite uma visualização simplificada do mercado, disponibilizando enorme variedade de fundos de rendimento e com taxas bem mais acessíveis ao pequeno investidor. 

Muitas delas apresentam corretagem com taxa zero, ganhando seu retorno com o desenvolvimento do cliente. Dessa forma, é um cenário de lucratividade mútua. A medida que o seu rendimento aumenta, o investimento que é capaz de realizar também cresce. No fim, todos saem ganhando.

Como funcionam fintechs corretoras?

Fintechs corretoras funcionam como uma opção prática e acessível de investimento na bolsa de valores. Automatizando a criação de carteiras de investimento e fazendo a ponte entre o investidor e os fundos, elas buscam diminuir a burocracia e trazer rendimentos a partir de um sistema de ação e reação.

Primeiramente, a fintech corretora faz uma análise e listagem de diversos fundos de investimento. Fundo imobiliário, tesouro direto, renda fixa, LCIs e LCAs, entre outros. A partir desse levantamento, são identificados os setores com maior possibilidade de rendimento para desenvolver a negociação.

A negociação de compra e venda de títulos realizada na B3, como é chamada a Bolsa de Valores no Brasil, permite que as empresas recebam o dinheiro do investidor para evoluir sua operação e trazer o retorno sobre investimento.

Nessa etapa, a fintech corretora utiliza o Home Broker, pregão eletrônico que substituiu o caos do pregão por voz, para organizar e realizar as transações. Com o uso dessa plataforma digital, basta que exista o capital para adquirir as ações, é aí que entram os clientes.

De acordo com o perfil do investidor, de moderado a agressivo, ele poderá aplicar o seu dinheiro e montar uma carteira com base nas opções de investimento indicadas pela corretora.

Com a realização das transações totalmente centrada no ambiente online, a compra de ações, que são uma aplicação de certo risco, podem ser feitas com cautela, respaldo e fácil visualização do mercado.

Devido ao sucesso desse tipo de operação, as corretoras digitais têm buscado tecnologias cada vez mais fáceis de se utilizar e em oferecer material de suporte para evoluir o perfil do investidor a medida que ele obtém rendimentos notáveis.

Gerenciando o investimento das contas dos clientes, a fintech corretora de valores pode otimizar as opções de fundos disponíveis e se desenvolvem como uma opção conveniente e promissora para investir em ações e obter retorno.

Vantagens da fintech corretora

Como mencionado anteriormente, a operação independente e a otimização para o gerenciamento por meio de plataformas digitais são as principais vantagens de uma fintech corretora.

Mas isso não é tudo, existem muitas outras vantagens de investir através de fintechs corretoras. Confira.

Custo de corretagem

As corretoras de valores são responsáveis por intermediar a compra e venda de ações e isso pode gerar custo para o investidor. O custo de corretagem, como é chamado o valor pago pelo serviço de intermediação, pode ser fixo ou variável, igual para todos os serviços ou definido de acordo com tipo de investimento escolhido.

No entanto, uma vantagem comum entre as fintechs corretoras é exatamente a isenção de taxa de corretagem. Assim, o investidor precisa apenas arcar com os custos da Bolsa de Valores.

De acordo com especialistas, isso é especialmente relevante por conta do mercado de ações ser uma aplicação de risco, onde são esperadas perdas e equívocos, principalmente por parte de investidores iniciantes.

Sem o custo de corretagem pesando na conta, o investidor tem mais chances de se recuperar de um revés, conseguir uma boa rentabilidade e se manter na ativa.

Exemplos de fintech corretora com taxa zero de corretagem

Toro Investimentos 

Criada em 2010 com foco na simplicidade do investimento e incentivo à educação financeira, a Toro Investimentos tem taxa zero de corretagem para renda fixa ou Tesouro Direto.

Seu ambiente digital apresenta um eficiente buscador de investimentos, que permite o cliente visualizar e comparar as melhores opções de rendimento.

Banco Inter

Outro exemplo interessante de fintech corretora de valores é a plataforma de investimentos do Banco Inter. Assim como a própria operação do banco digital, que busca desafiar paradigmas impostos pelos bancos convencionais, a sua corretora de valores não cobra taxas de corretagem nem de custódia, sem que isso afete a credibilidade do investimento.

Clear

A Clear também figura entre as melhores opções para quem busca taxa zero de corretagem e custódia, tanto para títulos de renda fixa, como CDB, LCI e LCA, quanto para investimento no tesouro direto, tudo isso em uma plataforma digital intuitiva e que atende diferentes perfis de investidores.

Amigável para investidores iniciantes

Quando se está considerando comprar as primeiras ações, existem muitas dúvidas que surgem na cabeça do possível investidor. Essas dúvidas são bem comuns e é muito importante que a corretora de valores seja capaz de respondê-las.

Isso é uma demonstração de credibilidade e também mostra como a fintech corretora gerencia e mensura a aquisição de novos clientes, buscando evoluir o seu perfil e aumentar o spread do lucro, que é o retorno obtido pela corretora com base nos seus rendimentos.

Para auxiliar a escolha da melhor fintech corretora para iniciantes, o canal do YouTube “Você Investidor” fez um vídeo de fácil entendimento para tomar os seus primeiros passos no mercado de ações, confira:

É seguro investir em uma fintech corretora?

Sim! As opções são variadas e, apesar do risco natural do investimento na bolsa, realizar os seus aportes em fintech corretora de valores permite que você tenha acesso a títulos e rendimentos altamente vantajosos, sem os altos custos e a burocracia dos bancos tradicionais.Para ficar por dentro do mercado financeiro digital, não deixe de acompanhar o blog Fintech. Aqui trazemos as principais novidades do setor e mostramos as opções mais seguras para cuidar bem do seu dinheiro, sempre com a tecnologia como aliada.

Comentários