Você sabe o que são fintechs de crédito? Essas empresas, que aliam finanças e tecnologia, vêm se destacando no mercado brasileiro, principalmente as que resolveram investir no setor do crédito, que é um dos que mais dão dor de cabeça para os clientes dos bancos tradicionais. 

Se você é cliente de algum banco, provavelmente já se estressou por causa de crédito. Tem toda a burocracia até ele ser aprovado e depois ainda é outra luta se quiser mudar o valor que seu banco limitou para você. 

Tudo isso somado às filas das agências, que, aliás, só ficam abertas ao mesmo tempo em que você está no trabalho e aí você não consegue resolver nada, não é mesmo? 

Por isso as fintechs de crédito têm feito tanto sucesso: pois são capazes de oferecer a seus clientes crédito rápido, fácil e de forma segura e ainda com taxas bem abaixo do mercado.

Continue lendo e confira como operam essas fintechs e todas as vantagens que elas podem oferecer a você!

O que são fintechs de crédito

Fintechs, como o próprio nome sugere, são empresas que unem tecnologia e finanças. A proposta das fintechs é oferecer serviços financeiros de forma rápida, fácil, intuitiva e sem todas aquelas taxas e burocracias que fazem a má fama dos bancos tradicionais.

As fintechs de crédito são especializadas em oferecer crédito facilitado e personalizado aos seus clientes, com 100% do processo realizado através do celular, o que garante muita economia de tempo para quem deseja realizar uma simples operação.

Como não há uma agência física e nem todo o trabalho burocrático que geralmente vemos nos bancos tradicionais, as fintechs conseguem realizar operações com custos reduzidos. Isso é refletido através de taxas de juros mais baixas e de acordo com o perfil de cada cliente.

Como as fintechs de crédito estão ganhando espaço no mercado

Levando todos esses fatores em conta, não é difícil compreender porque as fintechs de crédito estão ganhando cada vez mais espaço no mercado financeiro. Mas ainda há outras razões.

Uma dessas razões é a regulamentação do Banco Central, que facilitou a realização de pagamentos, empréstimos, investimentos e crédito pela internet, sem a necessidade da intermediação de uma instituição financeira física.

Inscreva-se em nossa Newsletter

Faça como milhares de empreendedores e receba os melhores conteúdos sobre o mundo Fintech em sua caixa de e-mail.

Essa regulamentação permite que fintechs possam atuar de forma especializada em diversos setores do mercado financeiro e que seus clientes consigam realizar praticamente qualquer operação pelo celular com total segurança.

Quais são as vantagens das fintechs de crédito

As vantagens das fintechs de crédito vão além do serviço de crédito e empréstimo em si, elas estão presentes também na ferramenta fácil para o cliente, no atendimento e no produto personalizado.

Essas são algumas das vantagens das fintechs de crédito responsáveis pelo apreço dos clientes e, consequentemente, por seu crescimento no mercado brasileiro. Confira mais vantagens das fintechs de crédito:

1) Tecnologia acessível

Essa é uma das vantagens que mais chamam a atenção do público. A grande maiorias das operações é feita pela internet, através do aplicativo da fintech de crédito que você escolher.

Basicamente, a única operação que realmente não é possível ser feita pela internet é o saque, que precisa ser efetivado em um caixa do Branco24Horas. Mas, como o foco são as fintechs de crédito, esse não será um problema para você. 

2)  Operações rápidas e simples

Para clientes cansados de processos incompreensíveis nos bancos tradicionais, não basta que as fintechs de crédito ofereçam aplicativos mobile, eles também precisam ser (e são) acessíveis. 

Ou seja, os aplicativos funcionam de forma rápida, responsiva, intuitiva e prática. Essa vantagem também está diretamente ligada ao fato de que, nas fintechs de crédito, todo o poder está nas mãos do cliente. 

Nenhuma personalização de serviço, operação ou taxa será efetuada sem que ele tenha total controle sobre ela.

3) Custos reduzidos

Como as principais despesas dos bancos tradicionais simplesmentes não existem nas fintechs de crédito, as taxas e juros chegam muito mais baixos para os clientes.

Essa é uma forte vantagem das fintechs de crédito que as colocam em um patamar acima dos concorrentes tradicionais.

Estratégias das fintechs de crédito

Essas e outras vantagens das fintechs de crédito as tornam alternativas ideais para pequenos e médios empreendedores e pessoas que estão começando uma “vida no mercado financeiro” e ainda não possuem renda suficiente para garantir a aprovação de crédito em um banco tradicional.

Claro que isso não limita de forma alguma o uso das fintechs de crédito, que atendem perfeitamente qualquer um que esteja procurando uma alternativa eficiente, rápida e mais barata para conseguir seu empréstimo.

Veja alguns serviços que as fintechs de crédito oferecem para atingir esse públicos:

  • Conta bancária 100% digital
  • Operações de pagamento, recebimento e transferências
  • Cartões de crédito e débito (muitas vezes sem anuidade)
  • Financiamentos

Exemplos de fintechs de crédito

Confira 5 exemplos de fintechs de crédito que estão conquistando o mercado financeiro e o coração dos brasileiros.

1) Nubank

Com juros abaixo do mercado, que giram apenas entre 2,1% e 5% ao mês, o Nubank oferece serviço de empréstimo pessoal com processo totalmente online, através do seu aplicativo. O valor ainda pode ser parcelado em até 24 vezes, com 90 dias para pagar a primeira parcela.

2) Inter

O Banco Inter também é uma referência entre as fintechs de crédito que atuam no Brasil. Ele oferece duas formas de empréstimo para pessoa física: crédito consignado ou crédito com garantia de imóvel.

A primeira opção é apenas para servidores públicos, aposentados e pensionistas e garante taxas de 1,35% ao mês, além de poder ser parcelado em até 72 vezes.

Já a segunda opção cobra juros de 1,15% por mês e parcela o empréstimo em até 180 vezes. Porém, o crédito com garantia de imóvel possui valor mínimo de empréstimo.

3) Creditas

O Creditas também trabalha com empréstimo com garantia, mas com ele o cliente pode escolher entre automóveis ou imóveis para utilizar, sendo que em nenhum dos casos o bem precisa estar quitado.

Para pedir um empréstimo no Creditas há algumas regras, como o ano do carro, valor mínimo do imóvel e também um pedido mínimo de empréstimo para cada um dos casos. Dependendo do valor dos bens, o Creditas também consegue abaixar ainda mais as taxas.

4) Geru

O Geru oferece empréstimos sem garantia e ainda facilita a liberação do seu crédito. No aplicativo do Geru, o cliente deve informar o valor que deseja ter de crédito, em quanto tempo pretende quitar e a finalidade do empréstimo. Com essas informações a fintech vai rapidamente calcular o valor de cada parcela e como conseguir os menores juros.

No Geru, a primeira parcela pode ser paga em até 40 dias e as taxas variam entre 2% e 9,5% ao mês.

5) Lendico

Na Lendico a concessão do crédito pessoal também é feita totalmente online e sem depósito antecipado. Ele oferece empréstimos entre mil e 500 mil reais e parcelas de até 36 vezes.

Veja uma comparação entre algumas dessas fintechs nesse vídeo do canal EconoMirna:

Se você gostou de saber o que são fintechs de crédito é porque se interessa pelo mercado financeiro e todas as suas novidades, correto? Então confira nosso blog e fique por dentro de tudo o que está rolando nesse setor! 

Você pode aprender sobre o mercado de fintechs na América Latina, por exemplo, ou, se estiver interessado em criar suas startup de tecnologia e finanças, pode ver como começar uma fintech e quais são os melhores cursos de fintech

São diversos artigos para você se inteirar do mundo da tecnologia unido às finanças, boa leitura!

Comentários