Os serviços financeiros estão mudando e você já deve ter se dado conta disso. A demanda por bancos digitais tem chacoalhado o mercado financeiro ao oferecer serviços bancários de forma inovadora, eficiente e descomplicada.

Uma das pioneiras neste setor é a fintech Trigg, que chegou ao mercado não só para oferecer serviços de cartão de crédito 100% digital, mas com uma proposta inusitada: pagar para que você utilize o cartão de crédito!

Quer saber como funciona na prática o cartão Trigg, se vale a pena e se é seguro? Neste post vamos te explicar tudinho sobre o cartão que vem conquistando os amantes da modernidade.

O que é Trigg?

A Trigg é uma fintech que utiliza a tecnologia digital para tornar a relação do cliente com o dinheiro mais fácil e acessível. Ela atua como um banco digital que realiza todo o processo – desde a solicitação do cartão até a análise de crédito – de maneira virtual.

“As pessoas querem resolver seus problemas rapidamente. Trabalhamos com esse foco. Temos uma equipe de tecnologia de peso hoje, focada em interface, inovação e desenvolvimento”, afirmou Marcela Miranda, sócia e chefe de operações na Trigg, em entrevista a EXAME.com. “Toda movimentação é dentro do app. Há suporte, SAC, chat no app, mas o que gente tenta fazer é que o atendimento seja mais consultivo do que de resolução de problemas.”

No entanto, o grande diferencial e o que faz o cartão Trigg valer a pena é o sistema cashback, que literalmente devolve seu dinheiro, ou seja, a cada compra realizada com o cartão, uma porcentagem do valor volta para a sua fatura.

Mas de onde surgiu esta ideia?

Quando os sócios da Trigg decidiram que fintech ofereceria o serviço de cartão de crédito totalmente digital, o grande objetivo foi o de buscar um benefício que realmente fizesse a Trigg valer pena!

A ideia era oferecer um modelo de negócio mais atraente que os programas de milhagem, que na maioria das vezes são difíceis de utilizar e sempre geram dúvidas sobre as trocas de pontos, que acabam expirando.

Após uma longa fase de pesquisas por diferentes instituições financeiras ao redor do mundo, em maio de 2017 a fintech foi lançada com com uma proposta quase que desconhecida no Brasil: o cashback.

Como funciona o cashback na prática:

A tradução do termo cashback significa “dinheiro de volta”, e é exatamente isso que a Trigg faz!  Com ele, o cliente receber de volta entre 0,5% e 1,30% do valor gasto na fatura do mês. A variação vai depender do valor do total da fatura.

Isso quer dizer que quanto maior o valor gasto no cartão de crédito, maior será o percentual do cashback, que pode chegar no máximo até 1,30%. Porém na prática, será que o cashback do cartão Trigg vale a pena?

Bom, por exemplo, se você gasta R$ 1.000,00 por mês, você vai receber 0,7% desse valor de volta, ou seja R$ 7,00 de cashback, agora se você gastar qualquer coisa acima de R$ 5.000,00 por mês no seu cartão Trigg, você vai receber 1,3% do valor gasto no mês de volta.

No site da Trigg  é possível fazer uma simulação para ver o quanto dá para ganhar.

Veja uma simulação do cashback da Trigg:

cartão trigg vale a pena cartão trigg é seguro

O que mais devo saber sobre o Trigg?

O Trigg possui a bandeira Visa Gold com aceitação internacional e garante uma rápida análise. Segundo seu site, em alguns minutos você já tem a resposta da sua solicitação de crédito podendo começar a comprar.

Isso porque os usuários que têm sua solicitação do cartão aprovada recebem, temporariamente, um limite de segurança, que permite ao cliente realizar compras online ou pagar por serviços como o Uber e Spotify enquanto aguarda a chegada do cartão físico.

Veja também as taxas aplicadas pela empresa:

  • A anuidade é de R$ 118,90 (em bancos tradicionais este valor chega a R$ 300,00), sendo que este valor pode ser divido em 12x de R$9,90.
  • a emissão do cartão é de R$ 24,90 e é possível solicitar mais de um.
  • a cobrança de saque do cartão de crédito em Bancos 24Horas é de R$ 4,99 e de R$ 10,00 em território internacional.

Como saber se o cartão Trigg vale a pena?

O Trigg é uma alternativa interessante para quem utiliza mais de R$ 1.414,28 todo mês na fatura do cartão de crédito, pois o cliente irá resgatar R$ 9,90 por mês no cashback e conseguir ter a “mensalidade gratuita”.

A opção passa a ser ainda mais atrativa para quem tem gastos acima de R$ 5.000,00, uma vez que o cashback será de 1,30% e o resgate de R$ 65,00. Se abatermos os R$ 9,90 da mensalidade do cartão, então restam R$ 55,10. Num primeiro momento, este pode parecer um valor baixo, mas se calcularmos o montante anual, o valor recuperado é R$ 661,20.

Resumindo: a Trigg vale a pena para quem consome bastante no cartão de crédito.

Mas se esse não é seu caso, o mercado conta com outras opções interessantes, como o Nunbank. Confira este conteúdo com todos os detalhes sobre esta opção.

Apesar de ser muito interessante graças a funcionalidade de Cashback, existem excelentes alternativas ao cartão Trigg que também valem a pena, como o cartão da Nubank. Já ouviu falar?

A Nubank é um banco online gratuito (você só paga pelo cartão de crédito). Algumas das principais vantagens:

  • O dinheiro que fica na sua conta corrente rende mais que uma poupança numa conta normal (!!)
  • Cada real que você gasta é transformado em pontos. Os pontos podem ser usados depois para “apagar contas” que você teve em restaurantes, hospedagens, pagando produtos da Netflix, Microsoft, etc.
  • X (outra vantagem importante)

Ficou curioso? Dependendo do seu perfil, é uma alternativa vantajosa. Leia nosso conteúdo para entender se Nubank vale a pena para você.

Conheça outros motivos que fazem o Trigg valer a pena

Pulseira Trigg Band

Permite a realização de pagamentos presenciais sem a necessidade de portar o cartão físico Trigg. Para isso, basta que o cliente esteja com a pulseira – que neste caso substitui o cartão, e permite pagamento por aproximação nas máquinas de cartão habilitadas. Uma ótima alternativa para situações em carregar o cartão é um inconveniente.

Programa Triggers

Este é um programa que incentiva startups alinhadas à ideia de negócio social. Com o cashback gerado em sua fatura, é possível destinar esse valor para estas iniciativas de impacto social e que se alinham com a filosofia da empresa.

Convide um amigo e ganhe

Se você convidar um amigo para o cartão de crédito Trigg Visa Internacional, e ele aceitar, você ganha R$ 10,00 de cashback.

Aplicativo Trigg

Com controle em tempo real, de forma simples e intuitiva, permite que cliente separe sua comprar por categorias, como:

  • mercado
  • roupas
  • saúde
  • viagens
  • transporte
  • entre outros,

Isso possibilita a visualização completas dos gastos do cartão de crédito do mês.

No aplicativo também é possível  solicitar aumento de limite, habilitar saques planejados, liberar ou bloquear compras internacionais, entre outros recursos.

O aplicativo Trigg é seguro?

A resposta é sim! O aplicativo Trigg tem certificado digital, o que significa que seus dados são criptografados antes de serem enviados. Além disso, a fintech possui uma nota de 6,9 no site Reclame Aqui e um índice de 99,7% de reclamações respondidas, o que comprova sua agilidade no atendimento ao cliente.

Apesar de classificada como “Regular” a nota é um indício positivo de que é cartão Trigg vale a pena e é seguro. Esta nota segue a média de outras empresas do mesmo segmento como  Nunbank,com 7,8 e Neon, com 6,1 e Banco Original com 6,7.

cartão trigg vale a pena cartão trigg é seguro

Me convenci de que o Trigg vale a pena: como solicitar?

Basta baixar o aplicativo gratuito no seu celular e preencha o cadastro. Depois é só aguardar a análise e a resposta do banco. Se você quiser mais informações sobre o cartão, consulte o site da empresa.

Agora que você já sabe tudo sobre o cartão Trigg, que tal continuar acompanhando as notícias do mercado fintechs e startups digitais? Descubra outras oportunidades oferecidas por empresas inovadoras do mundo das fintechs: se inscreva em nossa newsletter e receba  todas as novidades em seu e-mail.

Comentários