Você sabe o que é Bitcoin? Já se perguntou como começar a investir em Bitcoins?

Adorada por uns e ainda desconhecida por outros, Bitcoin é a primeira e mais conhecida moeda virtual, atualmente com grande destaque e valorização mundial. Funcionando de maneira descentralizada e sem necessitar de uma instituição financeira, ela pode ser utilizada para compra e venda de produtos e serviços, principalmente na internet.

Para saber começar a investir, é preciso conhecer um pouco da indústria financeira, pois, assim como ocorre no mercado de ações comum, os valores são flutuantes e valorizam ou desvalorizam de acordo com cenário mundial, não só econômico como também político. 

Por isso, neste artigo, mostramos como investir em Bitcoins do zero, para você começar com segurança e bem informado. Acompanhe!

Como começar a investir em Bitcoins?

Primeiro, conheça as modalidades para conseguir moedas virtuais

Para iniciar é necessário fazer o cadastro, preenchendo todos os dados pessoais no site oficial da Mercado Bitcoin. Após o cadastro, siga as instruções na página de depósitos e insira saldo em reais para comprar Bitcoins, assim será disponibilizado crédito na sua conta.

É recomendado que o futuro investidor busque cursos e realize consultorias com um profissional capacitado. Outro aspecto importante é avaliar se o trade de Bitcoin se encaixa no seu perfil investidor, pois existem diversas maneiras de investir e, embora Bitcoin geralmente seja bastante rentável, exige uma dedicação relevante.

Existem 4 maneiras para conseguir bitcoins… 

1. Comprando a moeda em exchanges

Uma maneira de conseguir Bitcoins é o comprando em exchanges, empresas corretoras (plataformas de bitcoins) que negociam as criptomoedas. Essa é considerada a forma mais segura e simples para iniciantes, pois facilita as negociações e conecta os compradores e vendedores para a realização de transações de compra e venda de criptoativos.

como começar a investir em bitcoins

2. Recebendo pagamentos em Bitcoin

Outra maneira é quando o comerciante ou prestador de serviços aceita como forma de pagamento os Bitcoins através de plataformas que realizam as transações. 

Mesmo que o atendimento tenha sido presencial, essas moedas são aceitas também fora do ambiente virtual. Nada mais é que uma opção de pagamento para o comércio, solução que consiste em transição individual de uma carteira para criptomoedas e um cartão de débito.

3. Ganhando Bitcoins em jogos e sites

Existem algumas formas de conseguir criptomoedas gratuitamente apenas usando sites ou games online. Os jogos são uma espécie de loteria virtual em que você ganha em Satoshis (como se fossem os centavos do bitcoin), por exemplo adivinhando caixas premiadas com criptomoedas.

Alguns sites também pagam para você visitar links e visualizar publicidades. Cada site possui uma recompensa diferente em Satoshis e não é possível saber o tempo diário para conseguir uma quantia relevante em Bitcoins.

como começar a investir em bitcoins

4. Minerando moedas

Minerar bitcoins é um processo complexo, que consiste em adicionar registros de transações ao livro razão público do bitcoin. 

Da mesma forma que na mineração tradicional, o trabalho também exige tempo e esforço: profissionais dedicados, hardwares profissionais, eletricidade barata e grandes centros de dados são alguns requisitos.

Abra uma carteira virtual

Sobre o aspecto prático, para começar a investir em bitcoins é necessário abrir uma carteira virtual junto a uma exchange. Essas organizações têm a função tanto de ambiente para compra e venda quanto de orientação ao usuário, por isso é importante pesquisar sobre sua credibilidade no mercado. 

Dê preferência às empresas nacionais, referenciadas e com número relevante de usuários, visto que ataques cibernéticos ou erros do sistema deixam o investidor vulnerável e sem garantias. 

Uma vez com a carteira aberta, iniciam-se as negociações de compra e venda. É fundamental estudar os gráficos e as oscilações de preço, pois investir na hora certa pode dar bons lucros. 

O pagamento dos bitcoins pode ser realizado através de transferência bancária, boleto ou cartão de crédito.

Pesquisar pode diminuir riscos

Uma alternativa para quem quer começar a investir em bitcoins de maneira mais simples e com gestão de especialista, os fundos de criptomoedas são boas opções. 

Investimento mínimo inicial de 1 mil reais enquanto para investimento individual seria em torno de 5 mil dólares. Neste fundo o risco é menor pois foi instituído pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários) que 80% do investimento deve ser em títulos públicos e somente 20% no exterior, neste último é onde estão as moedas virtuais.

Falando sobre transações financeiras na internet, é importante ter cuidado com os sites uma vez que não existe apenas uma única plataforma e, falando das exchange, é crucial avaliar segurança, taxas, métodos de pagamentos e volume de transações. 

A segurança nas operações com o uso do blockchain — sistema de blocos de registro que autentica as movimentações com a moeda — tem tornado a criptomoeda cada vez mais reconhecida no mercado financeiro. Outra vantagem de investir em bitcoins é o fácil acesso à informação através da internet que incentivam, orientam e dão o passo a passo ao investidor iniciante.

como começar a investir em bitcoins

Atenção à volatilidade de mercado

Para saber como começar a investir em bitcoins é importante estar atento também à volatilidade do mercado.

A tal volatilidade é comum no mercado tradicional e não seria diferente com as criptomoedas. É por isso que vamos entendê-la para não perder todo o capital. Quando encontrar recompensas tão grandes quanto os riscos, o sinal de alerta do investidor deve ser acionado, pois não é indicado ignorar as regras básicas desse mercado. 

Essas regras são referentes ao risco de volatilidade, pois tem-se sempre que ter em mente o quanto está disposto a perder e não deixar a expectativa de excelentes lucros sobrepor a segurança nas operações.

Um exemplo de sucesso é do norte americano Erik Finman, que comprou 83 bitcoins por 12 dólares cada e hoje 1 bitcoin já está valendo quase 10 mil dólares. A valorização da moeda virtual já chama atenção pelo seu crescimento de 300% em 2019 e especialistas apostam em seu fortalecimento contínuo. 

Mas é preciso estar atento ao stop loss, que você já deve ter ouvido falar sobre e é extremamente necessário entender pois é o limite de perda para poder gerenciar seu ponto de risco. Quando atingido esse valor pré-determinado é hora da saída imediata das transações, assegurando a redução de danos.

É importante estudar o histórico da volatilidade para alterar e ajustar esses fatores.

Saiba o que é halving

Muito também tem se falado do halving, processo que promete dar uma guinada nos preços bitcoins. Em 2020 ocorrerá o 3º halving, atividade que ocorre a cada 210 mil blocos vendidos e aumenta o valor da criptomoeda. 

Trata-se, então, de evento mecânico e pré-programado que reduz o recebimento dos mineradores em 50%, além tornar o bitcoin mais escasso no mercado, gerando a famosa lei da oferta e procura. 

Outro fator é acerca de moeda digital não ser regulamentada por nenhum governo e muitos, inclusive, não possuem regras por não acreditarem no poder do Bitcoin. 

Munido de todas essas informações e histórico da criptomoeda, agora você já sabe como começar a investir em bitcoins. 

Não esqueça: capacitação é importante em qualquer área de atuação, mas no mercado financeiro se torna imprescindível cursos de finanças para entender os gráficos e saber negociar no trade de bitcoin. 

Avalie seu perfil de investidor e, se esta for a melhor opção para você, aproveite a oportunidade.

Quer saber mais sobre fintechs e investimentos? Então continue acompanhando nosso blog. Aproveite para se inscrever também em nossa newsletter!

Comentários